Cozinha.

O lar da casa

Descrição

Nas aldeias de antigamente a cozinha era um lugar de encontro e de convivência. Assim o quis Saramago: outro espaço da casa aberto a amigos, local de conversa, de trabalho, de ceias e tertúlias prolongadas… amigos de vários continentes que consumiram horas de conversa e de troca de ideias, de risos e de solidariedadePor esta cozinha passaram personalidades imprescindíveis da cultura contemporânea, desde Bernardo Bertolucci a Susan Sontag, Juan Goytisolo, Carlos Fuentes, José Luis Sampedro, Carlos Reis, Eduardo Galeano, Marisa Paredes, Álvaro Siza Vieira, Ángeles Mastretta e Pedro Almodóvar, entre outros. Políticos como Mário Soares, José Luis Rodríguez Zapatero, Santiago Carrillo ou Carme Chacón; juízes como Baltasar Garzón ou Martín Pallín; amigos de vários continentes que consumiram horas de conversa e de troca de ideias, de risos e de solidariedade. Sobre esta mesa Sebastião Salgado espalhou as fotos do trabalho no mundo, e logo que as viu Saramago disse que escreveria o texto que Salgado lhe solicitava, ainda que, dizia Saramago, as fotos não contassem tudo. O mesmo disse Chico Buarque quando as viu, mas também compôs uma canção, que se chama Levantado do Chão, que está no livro assinado pelos três, Salgado, Buarque e Saramago. O título é Trabalho.A cozinha é quarto, também mesa onde se oficiaram os rituais diários: pequenos-almoços com pão e azeite, fruta, iogurte, chá, e o mundo entrando pelos jornais e pelo mar.

Loiça variada (1) recorda a passagem de Saramago pela geografia do mundo; uma foto de José e Pilar, um círculo tratado com técnicas especiais, é um presente de Emilio Aragon, o compositor da partitura que deu a música ao seu conto A Maior Flor do Mundo, uma tela de Cisela Björk exala perfume na cozinha; outros quadros de amigos; utensílios domésticos; o serviço que José utilizava todas as manhãs; os bules transportadas da China; a máquina de café, tanto café português em Lanzarote… O lugar de Saramago era à cabeceira 6da mesa, que está mais perto da entrada. O lugar não está vazio: de algum modo esse espaço continua a presidir a todos os encontros.

Relacionados

Escrever um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Antispam * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Subir

Uso de cookies

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies, pinche el enlace para mayor información.

ACEPTAR
Aviso de cookies